12 de outubro de 2012

FIÉIS LOTAM A BASÍLICA E SE EMOCIONAM NA PRIMEIRA ROMARIA DA IMAGEM DA VIRGEM PEREGRINA

Foto: Luana Santos

Milhares de fiéis lotaram a Basílica, hoje (12), pela manhã, para acompanhar a saída da Imagem da Virgem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré que fez a primeira Romaria, das 11 previstas, até os municípios de Ananindeua e Marituba. Emoção e admiração marcaram o início do traslado, que é uma das procissões mais longa da quadra nazarena. Este ano a Missa do Traslado foi celebrada pelo Bispo Auxiliar de Belém, Dom Teodoro Mendes.
Além de homenagens, fé e dedicação deram o tom ao percurso de 55 km que a Imagem percorreu. O fotógrafo Thiago Ramos, acompanhou a romaria correndo. “Todos os anos eu trabalho no Círio, como neste ano não irei, resolvi participar de alguma forma para me sentir mais próximo de Nossa Senhora”.
Uma, entre os milhares de turistas que vêm todos os anos prestigiar o Círio de Nazaré, Mariangela Ribeiro, de Brasília, não encontrou palavras para descrever o que está sentindo. “É emocionante, é fantástico, é um show da vida. É algo único que não costuma se ver muito. Já fui em procissões por todo o Brasil e no mundo e nunca senti isso”.
Há também quem foi ver a saída da Imagem Peregrina para conhecer o manto deste ano. Elisia Souza, todos os anos reproduz miniaturas com os modelos dos mantos. Carlos Amílcar, responsável pelo desenho do manto este ano, estava visivelmente emocionado. “É muita emoção. O manto deixou de ser uma peça fabricada por mim para ser do mundo. Tem um significado poético, religioso e bíblico. A importância do manto não está na riqueza de materiais mas sim pela mensagem que representa”.
A Polícia Rodoviária Federal, que leva a Imagem Peregrina, disponibilizou 25 viaturas, 31, motociclistas e 90 policiais para acompanhar e fazer a segurança durante o traslado. Participaram também da ação, policiais federais vindos dos estados do Piauí, Alagoas, Maranhão, Ceará e Brasília.
O traslado contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, Bombeiros, Polícias Civil e Militar, Detran, Guarda Municipal, Defesa Civil e Cruz Vermelha, que fazem parte de todas as operações do Círio.

Histórico – A Diretoria da Festa de Nazaré realizou o primeiro traslado para Ananindeua na 4ª Romaria Rodoviária, em 1992, durante o Círio de número 200. Em carro aberto, o percurso só foi realizado em 1997, no momento em que foi utilizado o “cibório” – uma abóbada sustentada por quatro colunas lisas e retorcidas - da Romaria das Crianças, onde a imagem era colocada. Para prevenir contra a ação do vento e da chuva, em 1999, o cibório foi substituído por uma réplica da Berlinda, em tamanho menor. Em 2001, atendendo ao pedido da comunidade, foi acrescentado ao percurso a passagem por mais duas Paróquias: Amparo e Divino Espírito Santo. No ano seguinte, a Prefeitura de Marituba pediu que fosse acrescentado o deslocamento até a frente da Prefeitura do Município. Em 2009, o Icuí foi incluso no percurso total.

Nenhum comentário:

Postar um comentário