2 de setembro de 2013

Papa retoma celebrações na Casa Santa Marta


O Papa Francisco retomou nesta segunda-feira, 2, as celebrações da Missa na Casa Santa Marta, no Vaticano, após um período de descanso. Na homilia, ele destacou que onde há Deus não há ódio, inveja e ciúme e não há aquelas fofocas que “matam” os irmãos com as palavras.

O encontro de Jesus com os seus conterrâneos de Nazaré, como conta o Evangelho de São Lucas proposto pela liturgia do dia, esteve no centro da homilia do Papa. O Pontífice observou que os habitantes daquela cidade esperavam de Jesus um milagre para acreditar Nele. Assim, Jesus destacou que eles não tinham fé e eles se irritaram.

“Mas vejam como mudou a coisa: começaram com beleza, com admiração e terminaram com um crime: querendo matar Jesus. Isto por ciúme, inveja, todas essas coisas… Esta não é uma coisa que aconteceu há dois mil anos: isto acontece a cada dia no nosso coração, nas nossas comunidades”.

O Santo Padre destacou então o perigo da fofoca, em que se mata o irmão e a irmã com a língua. Ele lembrou, por exemplo, que uma família pode ser destruída por esta inveja, que semeia o diabo no coração e faz com que um fale mal do outro.

“Nestes dias, estamos falando tanto da paz. Vemos as vítimas das armas, mas é necessário pensar também nas nossas armas cotidianas: a língua, as fofocas, os mexericos. As comunidades devem viver com o Senhor e ser como o Céu”.

Francisco concluiu dizendo que, para que haja paz em uma comunidade, em uma família, no mundo, é necessário estar com o Senhor. “Onde o Senhor estiver, não existe inveja nem criminalidade, ódio e nem ciúmes. Existe fraternidade. Peçamos ao Senhor para não matarmos jamais o próximo com nossa língua e estar com Ele como todos nós estaremos no Céu”.

Fonte: Rádio Vaticano

Nenhum comentário:

Postar um comentário